Sobre a ULisboa

Atualmente a ULisboa é a maior Universidade de Portugal e uma das maiores da Europa. Situada no coração da cidade oferece a toda a sua comunidade uma das melhores e mais diversificadas ofertas formativas e promete ser uma experiência única de enriquecimento.

Aceitando a responsabilidade de tornar a cidade de Lisboa uma das grandes capitais europeias da cultura e da ciência, a ULisboa recebe todos os anos cerca de 6.900 estudantes internacionais, cerca de 14,5% do total de estudantes, provenientes de mais de 100 países, que procuram uma educação de alta qualidade, bem como a cultura, o clima e a hospitalidade que Lisboa, e Portugal, têm para oferecer.

  • O Rei D. Dinis cria o Estudo Geral em Lisboa

  • A universidade é transferida para Coimbra.

  • Criação da Aula de Comércio

  • Criação da Aula de Desenho de Figura e Arquitectura Civil (vulgarmente conhecida por Aula do Risco)

  • Criação da Real Escola de Cirurgia de Lisboa

  • Criação da Escola Veterinária

  • Criação da Academia de Belas-Artes de Lisboa a partir da Aula de Desenho de Figura e Arquitectura Civil

    Criação do Conservatório de Artes e Ofícios de Lisboa

    Transformação da Real Escola de Cirurgia de Lisboa na Escola Médico-Cirúrgica de Lisboa

    Criação da Escola de Farmácia anexa à Escola Médico-Cirúrgica de Lisboa

  • Criação da Escola Politécnica de Lisboa.

  • Integração do Conservatório de Artes e Ofícios de Lisboa na Escola Politécnica de Lisboa.

  • Criação do Instituto Agrícola de Lisboa e Criação do Instituto Industrial de Lisboa.

  • Integração da Escola Veterinária no Instituto Agrícola de Lisboa.

  • Criação do Curso Superior de Letras em Lisboa.

  • Transformação do Instituto Agrícola de Lisboa no Instituto Geral de Agricultura.

  • Integração da Escola de Comércio no Instituto Industrial de Lisboa, que passou a denominar-se Instituto Industrial e Comercial de Lisboa.

  • Criação da Escola de Belas-Artes de Lisboa a partir da Academia de Belas-Artes de Lisboa.

  • Transformação do Instituto Geral de Agricultura no Instituto de Agronomia e Veterinária.

  • Criação da Escola Colonial.

  • Criação da Escola de Medicina Veterinária e do Instituto Superior de Agronomia a partir do Instituto de Agronomia e Veterinária.

  • Criação da Universidade de Lisboa,

    englobando a Faculdade de Medicina (anterior Escola Médico-Cirúrgica), a Faculdade de Ciências (anterior Escola Politécnica) e a Faculdade de Letras (anterior Curso Superior de Letras). Criação do Instituto Superior de Comércio e do Instituto Superior Técnico a partir do Instituto Industrial e Comercial de Lisboa.

  • Criação da Faculdade de Direito e da Escola Normal Superior na Universidade de Lisboa.

  • Transformação da Escola de Medicina Veterinária na Escola Superior de Medicina Veterinária.

  • Criação da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa a partir da Escola de Farmácia anexa à Faculdade de Medicina de Lisboa.

  • 
Criação da Universidade Técnica de Lisboa,

    englobando a Escola Superior de Medicina Veterinária, o Instituto Superior de Agronomia, o Instituto Superior de Ciências Económicas e Financeiras (anterior Instituto Superior de Comércio) e o Instituto Superior Técnico.


    Extinção da Escola Normal Superior da Universidade de Lisboa e criação do Curso de Ciências Pedagógicas da Faculdade de Letras.

  • Fundação do Instituto Nacional de Educação Física

  • Transformação da Escola Superior Colonial no Instituto Superior de Estudos Ultramarinos.

  • Transformação da Escola de Belas-Artes de Lisboa na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa.

  • Integração do Instituto Superior de Estudos Ultramarinos na Universidade Técnica de Lisboa.

    Transformação do Instituto Superior de Estudos Ultramarinos no Instituto Superior de Ciências Sociais e Política Ultramarina.

  • Transformação do Instituto Superior de Ciências Económicas e Financeiras no Instituto Superior de Economia.

  • Transformação do Instituto Superior de Ciências Sociais e Política Ultramarina no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas.

  • Criação do Instituto Superior de Educação Física da Universidade Técnica de Lisboa a partir do Instituto Nacional de Educação Física.

  • É criada a Faculdade de Arquitectura, integrada na Universidade Técnica de Lisboa.

  • Criação da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Lisboa.

  • Criação do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa.

  • Integração na Universidade de Lisboa da Faculdade de Belas-Artes e da Faculdade de Medicina Dentária.

  • Criação do Instituto de Geografia e Ordenamento do Território da Universidade de Lisboa.

    Separação da Faculdade de Psicologia e do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa.

  • Fusão da Universidade de Lisboa e da Universidade Técnica de Lisboa na Universidade de Lisboa.

Acontece na ULisboa

Notícias

Bolsas de Consciência Social da ULisboa
De 12 a 26 de abril encontram-se abertas as candidaturas para atribuição de Bolsas de Consciência Social da Universidade de Lisboa (ULisboa), para o ano letivo 2017/2018. Esta iniciativa insere-se no âmbito da responsabilidade social da ULisboa para apoiar os estudantes que se encontram em situação...
Passatempo | 11.ª Festa do Cinema Italiano
De 6 a 12 de abril realiza-se a 11.ª Festa do Cinema Italiano.
Consulta Pública
Nos termos dos artigos 99.º a 101.º do Código do Procedimento Administrativo encontra-se em consulta pública o projeto de despacho que aprova o Regulamento de Creditação e Integração Curricular de Experiências Profissionais e Formações Académicas da Universidade de Lisboa
Consulta Pública - Regulamento de Inscrição
Nos termos dos artigos 99.º a 101.º do Código do Procedimento Administrativo encontra-se em consulta pública o projeto de despacho que altera o Regulamento de Inscrição em Unidades Curriculares Isoladas da Universidade de Lisboa.
Prémio Fernão Mendes Pinto 2018 | Candidaturas até 31 de julho
Estão abertas as candidaturas ao Prémio Fernão Mendes Pinto 2018 até dia 31 julho.
Estudar mais é preciso
O Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (MCTES), consciente da necessidade de aumentar a qualificação superior da população portuguesa e de a sensibilizar para as vantagens de um curso superior, lançou um conjunto de iniciativas do qual se destaca, desde logo, o programa “Estudar mais...