fbpx Missão Espacial Ariel aprovada pela Agência Espacial Europeia | ULisboa

Missão Espacial Ariel aprovada pela Agência Espacial Europeia

Missão Espacial Ariel aprovada pela Agência Espacial Europeia

Missão Espacial Ariel aprovada pela Agência Espacial Europeia

Share Missão Espacial Ariel aprovada pela Agência Espacial Europeia

Esta missão da Agência Espacial Europeia, a primeira dedicada ao estudo da natureza, formação e evolução de exoplanetas, conta com uma forte participação de investigadores do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA).

A missão espacial Ariel, que irá estudar em detalhe as atmosferas de exoplanetas, acabou de passar da fase de estudo para a fase de implementação. Esta missão, com lançamento previsto para 2029, conta com uma forte participação de investigadores do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (Ciências ULisboa) e da Universidade do Porto (UPorto).

Trata-se da primeira missão da Agência Espacial Europeia (ESA) dedicada à medição da composição química e das propriedades térmicas da atmosfera de cerca de 1000 exoplanetas gasosos e rochosos, desde os extremamente quentes até aos temperados. Para isso, irá observar trânsitos ou ocultações, e recorrendo a uma técnica chamada de espectroscopia, irá medir as “impressões digitais” dos gases que compõem as atmosferas exoplanetárias. Estes dados permitirão estabelecer ligações entre composição química, formação e evolução dos planetas e o ambiente nos quais estes se formaram.

A missão Ariel, que terá uma duração inicial de quatro anos, está planeada para ser lançada em 2029, a bordo de um Ariane 6, o novo foguetão da ESA, a partir da Base Espacial Europeia em Kourou, na Guiana Francesa.

A missão Ariel é uma das peças chave na estratégia da equipa do IA, que inclui ainda, a longo prazo, uma relevante participação científica e tecnológica no telescópio espacial PLATO (ESA) e no espectrógrafo HIRES, para o ELT (ESO), o maior telescópio da próxima geração. Esta estratégia garante à equipa um papel de liderança a nível internacional na procura e estudo de outras Terras.
 

1


NOTÍCIAS DA ULISBOA

Para que esteja sempre a par das atividades da ULisboa, nós levamos as notícias mais relevantes até ao seu email. Subscreva!

SUBSCREVER