Museu Décio Thadeu

Data de Construção / Inauguração: 
1936

Museu Décio Thadeu

No Pavilhão de Minas do Instituto Superior Técnico (IST) encontra-se um museu dedicado à geologia e jazigos minerais portugueses e da CPLP, o ‘Museu de Geologia e Jazigos Minerais Décio Thadeu’. Este núcleo museológico foi criado em 1936, aquando da inauguração das instalações do Instituto na Alameda D. Afonso Henriques. A coleção, todavia, teve origem no seio de instituições precursoras, como o Instituto Industrial de Lisboa (IIL) e o Instituto Industrial e Comercial de Lisboa (IICL).

O núcleo inicial era constituído por coleções estrangeiras adquiridas nas principais casas da especialidade e junto de colecionadores europeus, assim como por material recolhido pelos lentes e preparadores do IIL e IICL em excursões e comissões geológicas. Em 1911, com a criação do IST, tornaram-se responsáveis pelas coleções os professores Amílcar Mário de Jesus e Ernest Fleury. Numa primeira fase, os objetivos do museu foram a obtenção do maior número de espécimes distintos e geologicamente representativos para serem utilizadas no ensino da Geologia.

Mais tarde, os desenvolvimentos ocorridos no museu passaram a estar marcados pela atividade letiva e de investigação dos professores, nomeadamente Ernest Fleury e Décio Thadeu. Para além dos espécimes geológicos e minerais (entre os quais se destaca a coleção de paleontologia e a coleção de minas portuguesas), a coleção inclui um significativo acervo bibliográfico, mobiliário (incluindo uma sala de aula e um laboratório projetados de raiz para o edifício e que ainda preservam muitas das suas características originais), instrumentação científica, mapas e fotografias, assim como os espólios pessoais de Ernest Fleury e Décio Thadeu, oferecidos ao IST pelas respetivas famílias.

Morada: 
Av. Rovisco Pais 1
1049-001 Lisboa
Portugal