Dia Mundial do Ambiente

Dia Mundial do Ambiente

Dia Mundial do Ambiente

Share Dia Mundial do Ambiente

Com o intuito de celebrar o Dia Mundial do Ambiente, falámos com a área de Sustentabilidade da Universidade de Lisboa de modo sensibilizar e disseminar um conjunto de boas práticas em matéria de sustentabilidade ambiental junto da comunidade.

As dicas são várias e certamente farão a diferença no presente e no futuro das próximas gerações.


O que fazer com os resíduos que produzes?

Sabias que existe uma aplicação que te pode ajudar a atribuir o destino final adequado aos resíduos que produzes?

Descarrega já a app WasteApp, disponível gratuitamente no seguinte endereço eletrónico: https://www.wasteapp.pt/info/sobre

A aplicação fornece-te toda a informação necessária para encaminhares adequadamente os resíduos que produzes, tais como, lâmpadas, cassetes, cd’s e dvd’s, até cápsulas de café.


Que equipamentos comprar?

No nosso dia-a-dia, são várias as tarefas responsáveis pelo consumo de energia.

Sabias que existe uma plataforma online que te pode ajudar a escolher equipamentos mais eficientes e com os consumos mais baixos do mercado (https://topten.pt/). Aqui, poderás consultar informação relacionada com os equipamentos do teu dia-a-dia, tais como, máquinas de lavar roupa e louça, aspiradores, frigoríficos, fornos, máquinas de café, televisores, impressoras, lâmpadas, entre outros.

A plataforma disponibiliza ainda, para cada categoria de produto, conselhos úteis que abrangem as fases de compra, utilização, manutenção e fim de vida dos equipamentos.


Por onde pedalar?

O setor dos transportes representa, ainda, um dos setores com maior impacto na qualidade de vida dos cidadãos, em particular em contexto urbano, quer pela sua contribuição na emissão de gases com efeito de estufa e de outros poluentes que lhes estão associados, com repercussões na qualidade do ar, quer pelos níveis de ruído causados pelo intenso tráfego rodoviário. É, neste contexto, que a nossa procura por soluções alternativas de mobilidade suave se revela cada vez mais premente, como a utilização da bicicleta, logo seguido de andar a pé enquanto forma mais eficiente em termos de poluição, ruído, ocupação de espaço e consumo energético.

Esta opção conjugada com a utilização dos transportes coletivos, poderá ser uma escolha acertada para muitas das tuas deslocações diárias pela cidade. Não sabes por onde pedalar? Podes ter acesso ao mapa de ciclovias de Lisboa, com informação complementar de serviços de bike sharing, parques de estacionamento e rede de transporte público, tudo disponível em https://www.cicloviaslx.com/.


Como ter uma lista de compras muito mais saudável e amiga do ambiente?

Quando vais às compras, pensas na pegada ecológica dos teus alimentos? Imaginas quantos litros de água foram necessários para a sua produção ou quantos quilómetros foram necessários percorrer até chegar às prateleiras do supermercado?

A forma como te alimentas pode determinar o futuro do planeta.

Assim, quando fores às compras, tem em atenção as seguintes dicas:

  • Planeia as refeições e faz listas de compras, evitando comprar o desnecessário;
  • Procura adquirir produtos locais, frescos, da época e de comércio justo. Para além de mais benéficos para a saúde, não necessitam de tanta água, fertilizantes ou pesticidas para se manterem condições.
  • Compra a granel e leva um saco de casa;
  • Dá preferência aos produtos de proximidade, do comércio local. Além de contribuir para a economia local, evita transportes desnecessários que aumentam a produção das emissões de CO2.
  • Tem em atenção as condições de produção dos alimentos, nomeadamente no que se refere ao uso de fertilizantes, pesticidas, utilização de combustíveis e água necessários à sua produção. Privilegia os produtos sazonais e de produção biológica. Para além de a sua produção ter um menor impacto ambiental, são mais saudáveis, saborosos e de maior durabilidade;
  • Evita os alimentos processados, sem embalagens e rótulos;
  • Evita o uso de película aderente e de caixas de plástico.
  • Se quiseres saber mais, podes ainda consultar o e-book, lançado pela Associação Portuguesa de Nutrição (APN) , um manual que ensina a fazer uma alimentação sustentável e, consequentemente, saudável, disponível em: https://www.apn.org.pt/documentos/ebooks/E-BOOK_SUSTENTABILIDADE.pdf 

Sabes qual é o teu consumo de água?

A água é um recurso indispensável à vida e um fator condicionante das nossas atividades diárias. Por esse motivo, revela-se, cada vez mais importante que se faça uma gestão adequada da sua utilização, assegurando as suas condições de qualidade para satisfazer as nossas necessidades.

Em Portugal, estima-se que cerca de 3 100 milhões de metros cúbicos de água são desperdiçados todos os anos. Tal representa cerca de 41% da procura total de água.

É, por isso, urgente alterar os nossos hábitos do dia-a-dia. Algo tão simples quanto fechar uma torneira quando esta não é necessária, instalar redutores de caudal nas torneiras ou reutilizar as águas da chuva nas lavagens de passeios ou na rega, são pequenos gestos que podem fazer a diferença na preservação deste recurso tão indispensável e fundamental à vida.

A EPAL – Empresa de Águas Livres de Portugal disponibilizou  um simulador de consumo que te permite tomar consciência dos desperdícios associados a determinados hábitos de consumo do nosso dia-a-dia. Faz a simulação do teu consumo e começa já a fazer a diferença: https://www.epal.pt/EPAL/menu/clientes/simulador-de-consumo-de-%C3%A1gua