Quantos furos são necessários para que um cubo de madeira colapse?

Quantos furos são necessários para que um cubo de madeira colapse?

Icone de partilha


O artigo “Critical fragmentation properties of random drilling: How many random holes need to be drilled to collapse a wooden cube?” da autoria de  Julian Schrenk, Marcelo Richard Hilário, Vladas Sidoravicius, Nuno Araújo, Hans Herrmann, Marcel Thielmann e Augusto Teixeira foi capa de um dos volumes da Physical Review Letters.

Os investigadores combinaram simulações numéricas com resultados rigorosos para mostrar que a fragmentação do sólido com o aumento dos defeitos locais não é equivalente ao processo de perfuração.

Os resultados chamam a atenção para o efeito da direcionalidade em processos de fragmentação, levantando questões de natureza prática.

Nuno Araújo, um dos autores e investigador do Departamento de Física e do Centro de Física Teórica e Computacional da Faculdade de Ciências (FC) da Universidade de Lisboa (ULisboa) exemplifica: “a integridade de estruturas de madeira, como por exemplo, os charmosos bangalós de montanha, está ameaçada por pragas de térmites que vão fragilizando a estrutura enquanto se movimentam no seu interior”.